DESTAQUE

COMERCIANTES DO CAOS – PARTE UM

Biografia: MC Ren, um dos pioneiros do gangsta rep


Lorenzo Jerald Patterson (mais conhecido como MC Ren), é um repper americano de Compton, Califórnia. Seu apelido é derivado das três letras de seu primeiro nome, Lorenzo.

MC Ren começou sua carreira solo como artista solo para a gravadora de Eazy-E, Ruthless Records, no início de 1987, enquanto ainda frequentava o ensino médio. No final de 1987, depois de ter escrito quase metade do álbum de estreia de Eazy-E, Eazy-Duz-It, ele foi incluído no influente grupo de gangsta rep N.W.A. com Eazy-E, Ice Cube, Dr. Dre e DJ Yella, que se popularizaram pelo uso de letras explícitas no rep para detalhar a violência da rua. Ren teve sua estreia no álbum Straight Outta Compton, nas faixas “100 Miles and Runnin” e “Niggaz4Life”. Depois que o grupo se separou em 1991, ele ficou com a Ruthless, ganhando vários discos de ouro e platina, antes de deixar o selo em 1999.


O início

Ren nasceu em Compton, Califórnia, em 14 de Junho de 1969 e criado em Pannes Ave, em torno do Kelly Park. Ele cresceu com seus pais, dois irmãos e uma irmã. Seu pai trabalhava para o governo, até que resolveu abrir sua própria barbearia.

Criado em Compton, Patterson juntou-se a gangue Kelly Park Compton Crips, mas rapidamente deixou a situação de gangue quando ele não estava ganhando dinheiro: “Em um momento eu tentei fazer parte desse mundo de gangues, mas a coisa era pequena e eu queria ganhar dinheiro, trabalhar. Não estava sendo bem remunerado.” Saindo da gangue, Patterson começou a vender drogas depois de ver as pessoas serem pagas. “Eu vi todos os que estavam ao meu redor sendo pagos, então comecei a entrar no jogo da das drogas fora das gangues.” Após uma incursão na casa de seu amigo de infância MC Chip, Patterson abandonou o tráfico de drogas e se concentrou em fazer música. “Meu amigo Chip, sua casa foi invadida, e ficou tudo muito acabado. Precisamos relaxar por um minuto. Depois disso, eu estava apenas tentando permanecer no fundo da música.”

Ren começou a frequentar a Dominguez High School, onde conheceu seu futuro colaborador DJ Train. Naquele momento, Patterson desenvolveu um interesse na música hip-hop e começou a escrever músicas com seu amigo de infância MC Chip. Juntos, eles formaram o grupo Awesome Crew 2 e tocaram em festas e clubes noturnos. Antes de se formar no ensino médio, MC Ren decidiu se juntar ao Exército dos EUA com um amigo. Ele largou a ideia de se juntar aos militares após assistir o filme de guerra Full Metal Jacket. Logo, se encontrou com seu amigo de infância Eazy-E e começou sua carreira no rep.


Início de carreira 1987–1991

Ren foi inicialmente contratado como artista solo pela Ruthless Records, enquanto ainda frequentava o ensino médio em 1987. No entanto, quando Ice Cube foi estudar lá por um ano, Ren foi convidado a escrever músicas para o álbum de estréia de Eazy-E, Eazy-Duz-It. Depois de ter escrito mais do que a metade do álbum, MC Ren foi adicionado ao grupo e eles imediatamente começaram no álbum Straight Outta Compton do N.W.A. Em apenas quatro semanas e um orçamento de $8.000 dólares, o álbum foi finalizado e disponibilizado no verão de 1988. Impulsionado pelo sucesso “Fuck tha Police”, o álbum se tornou um grande sucesso, apesar de uma quase completa ausência de rádio. Por conseguinte, o FBI enviou uma carta para a Ruthless Records, advertindo sobre o conteúdo da música.

Cartaz de um dos primeiros shows do N.W.A em uma pista de patinação de Compton, em 1988.

Após a saída de Ice Cube do grupo em 1989, o N.W.A dropou rapidamente o EP 100 Miles and Runnin. Ice Cube, que até então tinha disponibilizado seu álbum solo de estreia AmeriKKKas Most Wanted, evitou mencionar seus ex-companheiros de grupo. No entanto, N.W.A emergiu-se e mandou a primeira diss para Ice Cube na faixa-título do EP e na música “Real Niggaz”, acusando-o de covardia e questionando sua autenticidade, longevidade e originalidade. Todas as letras foram escritas por MC Ren e também com contribuições de The D.O.C. O segundo álbum completo do grupo, Niggaz4Life, foi disponibilizado em 1990. Este álbum se tornaria o último do grupo, porque Dr. Dre também deixou o grupo por causa de conflitos relacionados à dinheiro com o gerente Jerry Heller.

De acordo com MC Ren, era uma opinião comum de que Heller estava recebendo mais do que devia: “Sentimos que ele não merecia o que estava recebendo. Nós merecíamos essa merda! Nós fomos os que fizeram os discos, viajando em vans e andando por vários lugares. Você faz todos aqueles malditos shows tentando ficar conhecido, e então você chega em casa, no seu maldito apartamento fodido, enquanto esse filho da puta vive em uma mansão.”


Colaborações

Em 1988, MC Ren ajudou no álbum de estreia de Eazy-E, intitulado Eazy-Duz-It. Embora fosse um álbum solo de Eazy-E, nos bastidores era uma colaboração em grupo. MC Ren, o único repper convidado no álbum, apresenta um grande impacto em quase metade do álbum. A música foi engendrada pelo Dr. Dre e DJ Yella; as letras foram escritas em grande parte pelo MC Ren, com contribuições de Ice Cube e The D.O.C.

Em 2000, ele apareceu na música 
“Hello”, que contou com Dr. Dre e Ice Cube no álbum War & Peace Vol. 2 (The Peace Disc). Ele se juntou a Up In Smoke Tour no mesmo ano apenas para atacar este verso nesta pista. Ele também apareceu na faixa “Some L.A. Niggaz” do álbum do Dr. Dre, 2001.



Manancial: Wikipedia

Sem comentários