DESTAQUE

COMERCIANTES DO CAOS – PARTE UM

Biografia: CJ Mac, um dos Crips mais brabos do G-Funk


CJ Mac (nascido Bryaan Ross em 26 de Março de 1964) é um repper e ator americano.

Ele lançou seu primeiro EP, Color Me Funky, em 1991, sob o nome de CJ Mack. O álbum é extremamente raro. Ele retornou em 1995 e lançou seu segundo álbum, True Game na Rap-A-Lot Records, em 1995, com o produtor Mad. Ele estava originalmente lançando o álbum pela Ruthless Records, também.

Ele apareceu no filme Thicker than Water com Mack 10 e Fat Joe, onde interpretou um traficante chamado Gator.

Seu terceiro álbum, Platinum Game, contou com vários reppers da west coast e alcançou 77 nas paradas Top R&B/Hip-hop da Billboard.

CJ Mac também dirigiu um documentário chamado On the C-Walk. Ele também é conhecido por trabalhar com a Death Row Records no final de 2000 com sua música I Ain't Fuccin Wit Cha (do projeto Too Gangsta for Radio), no qual ele insultou Dr. Dre por deixar o selo e declarar o gangsta rep morto, também como artistas Hittman, Eminem, Snoop Doggy e Aftermath Records. CJ Mac também é conhecido por colaborar com artistas como C-Bo, Yukmouth, Dresta, Poppa LQ, Mack 10, Techniec, Scarface e WC.

CJ Mac foi destaque em uma entrevista No Jumper, um podcast na internet lançado em 15 de Maio de 2016.



Manancial: Wikipedia

Sem comentários