DESTAQUE

COMERCIANTES DO CAOS – PARTE UM

A AUTOBIOGRAFIA DE GUCCI MANE – CAPÍTULO 9


O conteúdo aqui traduzido foi tirado do livro The Autobiography of Gucci Mane, de Gucci Mane com Neil Martinez-Belkin, sem a intenção de obter fins lucrativos. — RiDuLe Killah









CAPÍTULO 9


SPRINGSIDE RUN







Palavras por Gucci Mane






Esta parte tem que ser breve. Há algumas coisas que eu nunca consigo falar.


Eu escrevi “Round 1”, minha resposta para “Stay Strapped”, no carro voltando de Tampa. Assim que voltei para Atlanta, fui ao estúdio para gravá-la. Black Magik acabou chegando para abordar um verso. Eu não era fã de como Magik se envolveu nas minhas consequências de Jeezy, mas isso não importava mais. Eu estava em guerra e em menor número. Eu precisava de todos os aliados que conseguisse.




The dope game hard

The rap game easy
This is Round 1 of Gucci Mane vs. Jeezy
Gucci Mane vs. Jeezy
This is Round 1 of Gucci Mane vs. . . .
The East Atlanta boss
Dirty South like Slim Thugga
Jeezy couldn’t make a hit with a Louisville Slugga
Slapped Coach K, pissed on Slick Pulla
Punched Kinky B dead in his dick sucka
Popping on the radio
Boy that’s a bitch thang
Riding round with HB, smoking on the cheap junk
Played you out a verse because I know you was a big crab
Made Lil’ Will sing the hook for a 50 slab
Did investigations, now I know ya background
Heard you from Hawkinsville
30 Miles from Mac Town
Think you got a buzz because you known at Strokers?
Got 3 deals but the nigga still local
The dope game hard
The rap game easy
This is Round 1 of Gucci Mane vs. Jeezy
Gucci Mane vs. Jeezy
This is Round 1 of Gucci Mane vs. . . .
You a perfect example of what a crab is
Choppa hit ya make ya scream out ya ad-libs
Yeaaaaaahhhh, let’s get it
Gucci voice on it then the hood gon’ feel it
That 645 he leasing it
In “Icy” video wearin’ Meechy shit
3 cents off a album what Jeezy get
Put a dress on nigga you Meech’s bitch
You a thug imposta, you deserve an Oscar
Album ain’t hot, Def Jam finna drop ya
Hanging round the Ball Park, claimin’ you from Boulevard
Old ass Ferrari, you bought that shit from Pull-A-Part
Nothing to lose, nothing to prove
Might as well beef with ya, nothin’ betta to do
Think ya on ’cause you probably sold a bird or 2
Outside 285 no one has heard of you



Como eu estava fora da cidade, já me sentia atrasado em responder a “Stay Strapped”, então a “Round 1” precisava sair imediatamente. Ace, meu DJ e gerente de estrada na época, me disse que lidaria com a divulgação dos clubes e estações de rádio, mas eu pensei que isso era algo que eu precisava sair e colocar nas mãos das pessoas. Eu não queria que ninguém pensasse que eu estava me escondendo enquanto meu DJ andava por aí fazendo meu lance.


“Relaxa, Ace”, eu disse a ele. Eu estou indo só para Blaze.

Meu amigo estava fodendo essa stripper que dançava em um clube em Moreland chamado Blazin’ Saddles. Essa garota pode ser encontrada no livreto do álbum Trap House. Ela é uma das duas garotas nuas cozinhando crack no fogão. Então eu também a conhecia e queria ver se ela poderia fazer com que os DJs de Blaze tocassem “Round 1” e algumas outras músicas novas que eu tinha. Então eu e meu amigo fomos até lá.

Nós não estávamos com Blaze muito antes de ela e sua amiga nos convidarem de volta para sua casa, uma casa localizada em uma rua sem saída em Decatur chamada Springside Run.

E é aí que aconteceu.



REPPER PROCURADO POR ASSASSINATO


— The Atlanta Journal-Constitution, 20 de Maio de 2005


Um promissor repper de Atlanta, cujo álbum de estréia chega às lojas de discos na Terça-feira, deve entregar-se às autoridades do Condado de DeKalb na noite de Quinta-feira, acusado de homicídio. O repper, conhecido como Gucci Mane, é procurado pela polícia de DeKalb em um tiroteio na semana passada que deixou um homem morto.



REPPER ESTÁ PROCURADO DEPOIS DE TIROTEIO MORTAL

 The Augusta Chronicle, 20 de Maio de 2005


DECATUR
 
 Um mandado de assassinato foi emitido para o repper conhecido como Gucci Mane em um tiroteio em 10 de Maio em que um homem foi encontrado morto, disse um advogado. O repper de 25 anos, cujo nome real é Radric Davis, foi notificado na Quarta-feira de que era procurado pelas autoridades do Condado de DeKalb pelo tiroteio de Henry Clark, disse seu advogado.


REPPER PROCURADO POR ASSASSINATO EM DEKALB

 WSB-TV, 20 de Maio de 2005

Advogado para o homem diz que o tiro foi autodefesa.


DECATUR
  O repper conhecido como Gucci Mane se entregou na noite de Quinta-feira depois que um mandado de assassinato foi emitido para ele em um tiroteio em 10 de Maio em que um homem foi encontrado morto.



REPPER GUCCI MANE DE ATLANTA ENFRENTA ACUSAÇÃO DE ASSASSINATO

– MTV, 25 de Maio de 2005

Repper de “Icy” se manifestou na Quinta-feira, afirma que atirou em legítima defesa.














Manancial: 
The Autobiography of Gucci Mane

Sem comentários